Publicado em Deixe um comentário

Alfa Omega indica: Bienal (virtual) do livro 2020

Nesta semana, entre dia 07/12 e 13/12, os livros da editora Alfa Omega terão 30% de desconto em nossa página da Internet, em função da Bienal Internacional do Livro de São Paulo, utilizando o cupom #AOnaBienaldolivro2020.

A primeira Bienal Internacional do Livro aconteceu em 1970, no pavilhão da Bienal, no Parque do Ibirapuera, na cidade de São Paulo, como um pioneiro espaço de divulgação da produção literária.

O mercado editorial mudou muito desde então. O pavilhão ficou pequeno e o encontro foi transferido para espaços cada vez maiores e atingiu um público crescente, ainda que no Brasil se leia pouco. Não é certo que o espírito envolvido nas divulgações de livros da década de 1970 siga existindo na guerra de marketing entre produtos editoriais nos dias de hoje.

Ao mesmo tempo, multiplicam-se as feiras, reflexo da grande diversificação editorial. A Bienal ser virtual, ainda que não tenha sido, aparentemente, um objetivo dos idealizadores, mas uma consequência do contexto, poderia ser uma possibilidade de constituir uma plataforma comum de difusão da produção brasileira, reunindo a diversidade existente.

Ainda que não sejamos clientes da atual Bienal, comprando espaço para expor nossos produtos, a editora Alfa Omega acredita no livro como difusor do pensamento crítico, missão assumida desde a publicação de seu primeiro livro, em 1973.

Publicado em Deixe um comentário

Alfa Omega indica: festa virtual do livro da USP 2020

A Editora Alfa Omega se soma àquelas que apoiam a Festa do Livro da USP, que acontece de hoje ao próximo dia 15 de novembro em formato virtual.

Presente desde a primeira edição, acreditamos neste canal direto com o público leitor e universitário.

Com o cupom de desconto #AOnaFESTADOLIVRO2020 os livros do catálogo da Editora terão 50% de desconto. Basta inseri-lo no campo “cupom” no seu carrinho de compras do site e o desconto será aplicado imediatamente no valor total de produtos.

É mais um estímulo à leitura e à reflexão, fundamentais para o pensamento crítico, tão necessário nestes tempos de retrocessos políticos, perda de direitos e desorganização dos grupos de resistência.